Cisto nos Rins

Cisto nos rins essa é uma alteração muito mais comum do que as pessoas imaginam. Estima-se que metade da população acima dos 50 anos tenha cisto nos rins. Grande parte das pessoas ao descobrirem que tem essa alteração ficam bastante apreensivas, achando que isso pode ser câncer, mas na grande maioria das vezes não é.

Existe uma confusão entre Cisto e Quisto com Nódulo, que necessita esclarecimentos:

Cisto e quisto são a mesma coisa. É uma bolinha com conteúdo líquido no seu interior. De forma bem geral estão associados a problemas benignos.

Já o nódulo, que popularmente é chamado de caroço, é diferente. É sólido, duro e pode ter dentre as causas mais comuns o tumor maligno, que é o Câncer.

Existem dois tipos de cistos: os chamados cistos simples e os complexos.

Cistos Simples

A maior parte dos cistos (70% deles) são cistos simples que são simplesmente as bolinhas com conteúdo líquido e homogêneo dentro. A medicina não sabe ao certo a causa dessa alteração, mas sabe-se que tem relação com a idade. Isto significa que uma pessoa pode ter cisto desde o nascimento, mas é mais comum surgirem após os 50 anos de idade.

Quando os cistos são muito grandes eles podem pressionar as estruturas ao redor causando problemas como dor nas costas, podem comprimir os vasos que levam sangue para o rim, sendo uma das causas de hipertensão. Podem também prejudicar o funcionamento do rim e aumentar as chances de infecção quando comprimem a saída de urina do rim, dificultando sua drenagem.

Não sendo essa situação, os cistos são assintomáticos. É exatamente por isso que as pessoas geralmente descobrem que têm cistos nos rins por acaso, quando fazem algum exame de imagem do abdome, como Ultrassom, Tomografia e Ressonância, solicitado para avaliar outros problemas, e então acabam descobrindo um ou mais cistos nos rins.

Cisto simples no rim não se torna Câncer e, como dito anteriormente, na grande maioria das vezes não causa maiores problemas. Por isso não é necessário tratamento algum. Nos casos sintomáticos mencionados, pode ser feita a cirurgia ou punção do cisto.

Cistos Complexos

Os cistos complexos também são bolinhas com líquido dentro, mas diferentemente do cisto simples são heterogêneos, podendo apresentar características diferentes como traves e septos, paredes irregulares e muitas vezes mais espessas, calcificações, parte do conteúdo sólido e parte líquida, vasos sanguíneos no seu interior, dentre outros. Quanto mais presentes estão esses achados, maiores as chances desse cisto ser um tumor, no caso um tumor chamado sólido cístico.

Na prática médica, na presença de um cisto no rim nos exames de imagem, o Médico Radiologista, baseado na presença dessas características do cisto mencionadas, faz uma classificação do cisto chamada de Bosniak, que vai de 1 a 4. Para se ter uma ideia, o Bosniak 1 é o cisto simples, 2 em diante são considerados cistos complexos, sendo os 3 e 4 mais sugestivas de tumor renal.

Nos casos dos rins complexos Classificação 2, 3 e 4 está indicado acompanhamento ou mesmo tratamento com cirurgia, crioterapia ou ablação, a depender do caso.

Entendido isso, existem mais um aspecto importante, que se refere à quando uma pessoa com um ou mais cistos nos rins deve suspeitar que tem Doença Renal Policística. Existem várias doenças chamadas de Doença Renal

Policística. A mais comum é a autossômica dominante. Deve-se suspeitar desse problema se tiver:

  • Alguém na família com o problema, uma vez que tem forte associação genética;
  • Se nos exames de imagem existirem diversos cistos preenchendo todo rim;
  • Evolução e sintomas: Esses cistos podem aumentar em número e tamanho, podendo causar problemas como infecção, hipertensão, pedras nos rins, sangramento na urina, dor, e prejudicar de forma importante o funcionamento do rim e em muitas vezes até levar a insuficiência renal, com necessidade de hemodiálise.

Mas é importante ficar claro que cisto no rim é muito comum e que doença renal policística é muito raro. Por isso, se uma pessoa tiver um ou mais cistos no rim a chance de ela ter uma doença renal policística é muito pequena.

Uma pessoa com cistos renais deve conversar com seu médico. Nos casos dos cistos sintomáticos, cistos complexos ou suspeita de doença renal policística, os médicos mias indicados são o Urologista e o Nefrologista.

Assista no vídeo a seguir a explicação de nosso especialista!

Inscreva-se em nosso canal. 

Postamos vídeos novos todas as quartas às 11h!

Fique conectado

Acesse nosso facebook.

Fale conosco por e-mail:

Receba as novidades do Dr. Ajuda direto no seu e-mail!



Copyright – All rights reserved – Estes vídeos não dispensam uma consulta médica.

Theme developed by TouchSize - Premium WordPress Themes and Websites